Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Pedro José de Oliveira Pernambuco Filho (Cadeira No. 48)

Membro Titular

Secção de Medicina

Cadeira No. 48 - Patrono: Marcio Philaphiano Nery

Eleito: 13/06/1929 - Posse: 27/06/1929 – Emérito: 31/07/1969 - sob a Presidência de Miguel de Oliveira Couto

Saudado por: Raymundo Américo de Souza Teixeira Mendes

Antecessor: João de Souza Gomes Netto

Falecido: 19/12/1970

Médico psiquiatra nasceu em 31 de janeiro de 1887, em Natal, Rio Grande do Norte. Filho de Pedro Pernambuco e Elvira Pernambuco. 

Doutorou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1909, defendendo a tese de doutoramento “Contribuição ao estudo de ciclotimia”. Concluído o curso de medicina, aperfeiçoou-se, durante dois anos, nas Clinicas Psiquiátricas de Paris e Viena.

De volta ao Brasil iniciou a vida profissional como Assistente de Clinica Psiquiatrica na Faculdade Nacional de Medicina, obtendo, por concurso, pouco depois, e lugar de Livre Docente de Psiquiatria. Mais tarde, também por concurso,obteve o cargo de médico escolar e, ainda por concurso, e de Neuro-Pisquiatria do Instituto dos Marítimos.

Foi diretor interino do Instituto de Neuropatologia da Assistência e Alienados, chefe do Serviço Médico Pedagógico da Secretaria de Educação, Membro da Comissão de Inspeção de Saúde, Diretor de Centro de Pesquisas Educacionais, Professor de Psiquiatria Social de Escola Técnica de Serviço Social (curso de extensão universitária) e Diretor de Serviço de Neuropsiquiatria e Higiene Mental da Policlínica de Botafogo.

Fez parte das seguintes sociedade médicas: Comissão Nacional de Fiscalização de Entorpecentes; Sociedade Brasileira de Neurologia Psiquiatrica e Medicina Legal; Liga Brasileira de Higiene Mental, Membro Correspondente Estrangeiro da Société de Neurologie de Paris; Membro Honorário da Sociedad de Psiquiatria y Medicna Legal de La Plata; Membro da Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e da Sociedade de Medicina Social e de Trabalho.

Foi delegado do Brasil na Conferência sobre o Ópio, na Liga das Nações em 1925, tendo feito parte da “Comissão encarregada de reorganizar a lei brasileira sobre entorpecentes”.

Foi também Membro do Comitê Central permanente do Ópio da Organização das Nações Unidas, eleito por cinco anos. Mais tarde foi Presidente da Comissão Brasileira, que representou o Brasil, no Seminário Internacional de Alcoolismo, realizado em Buenos Aires.

Foi perito da Organização Mundial de Saúde.

Foi agraciado com a medalha de prata comemorativa do cinquentenário da Proclamação da Republica pelo então Presidente Dr. Getulio Vargas.

Foi Superintendente da Escola de Saúde e Higiene do Distrito Federal.

Membro Correspondente da Sociedade de Neurologia de Paris.

Em 1929 candidatou-se a vaga aberta, na Academia Nacional de Medicina, com a passagem do acadêmico João de Souza Gomes Netto para classe de Membros Titulares Honorários, apresentando a memória “Contribuição ao estudo clínico da taxicomania”. Ainda como membro da Academia atuou nos seguintes cargos: Comissão de Redação de Anais (1934 a 1937); 2º secretário (1939 a 1942) e Presidente da Secção de Medicina Especializada (1947 a 1949 e 1959 a 1961). Foi representante da Academia Nacional de Medicina no Congresso Internacional de Psiquiatria de Paris, em 1950.

Pedro Pernambuco Filho foi o primeiro presidente da Associação Psiquiátrica do Rio de Janeiro, fundada em 7 de agosto de 1961, e que contava com 86 psiquiatras. Nesse mesmo ano (1961) publica pelos Arquivos do Manicômio Judiciário Heitor Carrilho, o trabalho “A Maconha sob o ponto de vista Psiquiátrico”.

Faleceu em 19 de dezembro de 1970.

Agenda
    Em maio
  • 30/5/2017 - 20:00 - Sessão Solene de Posse de Honorário Nacional - Dr. Miguel Srougi