Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Pedro Maria de Moura (Cadeira No. 34)

Membro Titular

Secção de Cirurgia

Cadeira No. 34 - Patrono: Marcos Bezerra Cavalcanti

Eleito: 01/10/1925 - Posse: 29/10/1925 - Sob a presidência de Miguel de Oliveira Couto

Saudado por: Antonio Austregésilo Rodrigues Lima

Antecessor: Joaquim Pinto Portella

Falecido: 13/07/1953

Nasceu em 13 de abril 1895, no Rio de Janeiro. Filho de Sebastião Maria de Moura e D. Maria de Moura.

Doutorou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1918, com a tese intitulada “Estudo Clínico da Membrana de Jackson”.

Em 1919, morre o Acad. Daniel D'Almeida e o Dr. Álvaro Ramos assume a direção da 23ª Enfermaria do Hospital da Misericórdia, o qual, convidou o Dr. Pedro Moura para o cargo de Assistente. Foi nomeado, após a morte do Acad. Brandão Filho, chefe da 12ª enfermaria do Hospital da Misericórdia em 1934.

Assistente da 1ª cadeira de Clínica Cirúrgica no serviço do Acad. Brandão Filho a partir de 1922.

Exerceu o cargo de livre docente de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade do Rio de Janeiro.

Eleito Membro Titular da Academia Nacional de Medicina em 1925, apresentando memória intitulada “Contribuição ao estudo dos blastomas malignos da mama”.

Em 1926, prestou concurso para Professor Catedrático de Patologia Cirúrgica, apresentando o trabalho “Megacolo e Nefrolopatias Cirúrgicas”.

Foi encarregado pelo Diretor da Faculdade de Medicina, para estudar na Europa os progressos do ensino da Urologia no ano de 1928.

Transformou a 12ª Enfermaria em uma Escola de aprendizagem para os estudantes da Faculdade Nacional de Medicina que lutavam para encontrar onde praticar a Cirurgia.

Foi membro de sociedades e associações nacionais e internacionais, tais como membro da Sociedade de Medicina e Cirurgia (1927) e membro da Sociedade Internacional de Cirurgia (1930). E foi fundador do Colégio Brasileiro dos Cirurgiões.

Publicou vários trabalhos de sua especialidade, dentre estes “Prenhez tubária esquerda” (1916), “Laparotomias” (1917), “Um caso de salpingo-ovarite direita supurada com grandes aderências do intestino delgado, Apendicite crônica e cisto do ovário esquerdo” (1919), “Da Pielografia no diagnóstico das afecções cirúrgicas do Rim” (1924), “Rutura do Rim, nefrectomia transperitoneal” (1925).

Faleceu em 13 de julho de 1953, na cidade do Rio de Janeiro.

Agenda