Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Oswaldo Luiz Ramos (Cadeira No. 12)

Membro Titular

Secção de Medicina

Cadeira No. 12 - Patrono: Pedro de Almeida Magalhães

Eleito: 09/06/1994 - Posse: 30/08/1994 - sob a presidência de Sergio D'Avila Aguinága

Saudado por: Clementino Fraga Filho

Antecessor: Ruy João Marques

Falecido: 30/05/1999

Nasceu em 17 de maio de 1928, em São Paulo (SP).

Filho de Jairo de Almeida Ramos e Odette Alves Ramos.

Graduou-se em Medicina pela Escola Paulista de Medicina (1951). Master of Science pela Mc Gill University, Montreal, Canada (1955). Research Fellow do Departamento de Medicina da Columbia University, Nova York (1959). Livre Docente em Clínica Médica pela Escola Paulista de Medicina (1961).

Sua atuação de fomento no âmbito estadual começou na década de 50, quando esteve entre os que lutaram pela criação da residência médica, coordenando, depois, a Comissão de Residência Médica da EPM (1965-1975). Na década de 1960 chefiou a disciplina de Metabolismo e Nutrição da EPM, posteriormente renomeada de Nefrologia, e, na década de 1970, participou decisivamente da instalação do programa de Pós-graduação da EPM, hoje o mais conceituado do país na área médica. Na década de 1980 implantou, e coordenou até 1993, com apoio da Fundação Rockfeller, o Programa de Epidemiologia Clínica da EPM. Ainda na década de 1990, coordenou, por meio da Fundação Oswaldo Ramos, a construção e implantação do Hospital do Rim, de São Paulo, tendo sido, até falecer, seu Presidente Honorário.

Entre 1989 e 1993 foi Presidente da Comissão de Pós-graduação e, de 1990 a 1998, Chefe do Departamento de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), antiga EPM.

Coordenou, na década de 1980, o Sistema Integrado de Procedimentos de Alta Complexidade na área de nefrologia, normatizando os procedimentos de diálise e transplante no Brasil. Fundou e dirigiu a Sociedade Brasileira de Nefrologia e a Sociedade Brasileira de Investigação Clínica e é Patrono da Sociedade Brasileira de Clínica Médica.

Teve seu reconhecimento internacional consolidado em 1980, quando foi convidado a participar da seleta Chamber for High Blood Pressure Research, da American Heart Association.

Em meados de 1983, os membros da Disciplina de Nefrologia fundaram o Instituto Paulista de Estudos e Pesquisas em Nefrologia e Hipertensão - IPEPENHI - entidade jurídica e sem fins lucrativos que em junho de 1994 transformou-se na Fundação Oswaldo Ramos, reconhecida pelo Conselho Universitário da UNIFESP - EPM como seu órgão suplementar e pelo MEC como Instituição auxiliar de ensino.

Editor do Atualização terapêutica desde sua 14ª edição (1988) até a 19ª edição, de 1999, ano de seu falecimento.

Publicou trabalhos científicos e recebeu títulos honoríficos, prêmios e distinções.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Repercussão sobre o Rim da Hipertensão Arterial Essencial e da Associada ao Diabetes Mellitus”.

Faleceu em 30 de maio de 1999.

Discurso de Saudação


Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150