Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Levão Bogossian (Cadeira No. 80)

Membro Titular

Secção de Cirurgia

Cadeira No. 80 - Patrono: Júlio Oscar de Novaes Carvalho

Eleito: 03/06/1993 - Posse: 03/07/1993 - sob a presidência de Rinaldo Victor De Lamare

Saudado por: Umberto Perrotta

Antecessor: Pedro Estevam de Lima

Falecido: 17/04/2012

Nasceu em 1º de dezembro de 1922, no Rio de Janeiro.

Filho de Bogos Bogossian e Anita Bogossian.

Graduou-se em Medicina pela antiga Universidade Nacional de Medicina, atual UFRJ, em 1946.

Após 10 anos de formado, fez estágios de aperfeiçoamento nos Estados Unidos.

Professor Titular de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenador Adjunto do curso de Pós-graduação em Cirurgia Geral (1971) e Chefe do Departamento de Cirurgia, eleito por três mandatos sucessivos, até sua aposentadoria, aos 70 anos. Professor de Cirurgia na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) por 21 anos, da Universidade Federal Fluminense por dois anos e também da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Chefe da equipe Raul Boaventura do Hospital Geral Getúlio Vargas de 1948 a 1992 (serviço de emergência). Foi Membro Titular Emérito do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, da Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e da Sociedade de Gastroenterologia do Rio de Janeiro.

Autor de cinco livros didáticos: “Choque” (três edições nacionais e uma espanhola), “Traumatismo torácico”, “Manual Prático de Pré e Pós-Operatório” (com três edições, a última em fevereiro de 2007), “Choque séptico” e “Manual de autotransfusão”. Além disso, foi autor de 52 trabalhos publicados em revistas médicas e cerca de 120 trabalhos apresentados em congressos. Participou como Conferencista, Professor, Moderador e Coordenador de mais de 720 congressos e reuniões científicas.

Recebeu seis homenagens de formatura de alunos da UNIRIO. Foi também agraciado com a Medalha ao Mérito pelo Governo do Estado da Guanabara; Medalha de Honra da Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro e uma homenagem da Diretoria do Hospital Getúlio Vargas.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Autotransfusão em Cirurgia”. Entre os anos de 2009 e 2011, foi Presidente da Secção de Cirurgia.

Faleceu em 17 de abril de 2012.



Agenda