Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

José Mendes Tavares (Cadeira No. 41)

Membro Emérito

Secção de Medicina

Cadeira No. 41 - Patrono: José Martins da Cruz Jobim

Eleito: 29/08/1901 - Posse: 31/10/1901 - sob a Presidência de Nuno Ferreira de Andrade

Emérito: 14/06/1928 

Falecido: 29/12/1965

Nasceu em 8 de junho de 1873, em Teresina, no Estado do Piauí. Filho de Antônio Tavares da Costa e de D. Felisbella Mendes Tavares.

Doutorou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1895, defendendo a tese intitulada “Tratado das blenorragias pelas lavafeus”. Durante o curso, obteve aprovações com distinção em Terapêutica, Farmacologia e Matéria médica.

Pouco antes de se formar, em 1893, durante a Revolta da Armada, trabalhou como médico no Hospital da Brigada Policial. Em 1895, trabalhou no Hospital de Santa Bárbara, durante a epidemia de varíola que assolou o Rio de Janeiro.

Durante dois anos ocupou o lugar de interno do Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro, no serviço dos professores Paes Leme e Marcos Cavalcanti. Na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, exerceu por três anos o lugar de interno de clínica de moléstias da pele e sífilis, deixando seu cargo ao se formar.

Eleito Membro Titular da Academia Nacional de Medicina em 1901 e, tornou-se Membro Emérito em 1928.

De 1907 a 1918, foi intendente no Conselho Municipal do Distrito Federal. Ainda em 1918 foi eleito deputado federal pelo Distrito Federal e exerceu o mandato de 1920. Reeleito, voltou a ocupar uma Cadeira na Câmara dos Deputados de 1921 a 1923.

Atuou na política como senador pelo Distrito Federal e exerceu seu mandato de 1924 a 1930. No Senado, foi membro da Comissão de Marinha e Guerra. Foi inspetor sanitário e médico no município de Petrópolis, onde combateu o impaludismo que assolava a localidade. Também auxiliou no combate da epidemia de febre amarela na região do oeste paulista.

Além disso foi diretor do Hospital dos Lázaros, um dos principais centros de tratamento da lepra no Brasil.

Redator-chefe da Revista de Medicina, publicação do Grêmio dos Internos dos Hospitais.

Foi homenageado tendo seu nome em um logradouro público, Rua Mendes Tavares, no bairro de Vila Isabel, no Estado do Rio de Janeiro.

Faleceu em 29 de dezembro de 1965.


Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150