Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Emílio Diniz da Silva (Cadeira No. 95)

Membro Titular

Secção de Medicina

Cadeira 95 - Patrono: Joaquim Monteiro Caminhoá

Eleito: 02/10/1975 - Posse: 28/09/1976 - Sob a presidência de Edgard Magalhães Gomes

Saudado por: José Messias do Carmo

Antecessor: Raul Votta

Falecido: 15/08/1996

Nasceu em 19 de agosto de 1910, em Salvador (BA).

Filho de Adriano Silva Junior e Lydia Diniz da Silva.

Graduou-se em Farmácia (1930) e Medicina (1932) pela Faculdade de Medicina da Bahia.

Professor de Botânica da Escola Comercial Feminina da Bahia (1935); Auxiliar de Ensino de Farmacognosia da Escola de Farmácia de Bahia (1935); Assistente de Química Analítica da Escola de Farmácia da Bahia (1933-1938).

Livre Docente de Farmacognosia da Faculdade de Farmácia da Bahia (1937); Professor Catedrático de Farmacognosia da Faculdade da Farmácia e Odontologia do Estado do Rio de Janeiro (1953 a 1969).

Professor Interino de Farmácia Galênica da Faculdade Nacional de Farmácia (1953); Professor Titular de Farmacotécnica e Tecnologia Farmacêutica e de Cosméticos da UFRJ (1967), entre outras posições.

Foi Chefe do Departamento de Farmácia e Bioquímica (1969) e do Departamento de Tecnologia Farmacêutica (1974), ambos da Faculdade de Farmácia da UFRJ. Chefe do Serviço de Farmácia do Hospital dos Servidores do Estado (1947) e Diretor da Faculdade Nacional de Farmácia da Universidade do Brasil (1968).

Membro de diversas Sociedades Científicas, nacionais e internacionais, como a Associação Brasileira de Farmacêuticos e a Sociedade Brasileira de Química. Foi Sócio Fundador da Sociedade Brasileira de Alimentação e da Sociedade Brasileira de História da Farmácia. Presidente da Associação dos Servidores do IPASE e Representante da Associação Brasileira de Ensino Farmacêutico e Bioquímico.

Participou de diversos congressos, simpósios e seminários, nacionais e estrangeiros. Integrou comissões examinadoras e publicou vários trabalhos científicos, prestando sua colaboração em várias instituições governamentais e particulares.

Entre os prêmios que recebeu, pode-se destacar a Medalha de Honra ao Mérito, acompanhada de Diploma, do Hospital dos Servidores do Estado, em 1969.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Aspectos Fármaco-Biodinâmicos da Medicação Oral”.

Faleceu em 15 de agosto de 1996.

Agenda

Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150