Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Sessão de 30 de junho de 2017 – ANM completa 188 anos em sessão solene

Com a presença do corpo Acadêmico, diversas autoridades e convidados, a Academia Nacional de Medicina, instituição científico‐cultural mais antiga do Brasil em atividade, comemorou seus 188 anos em solenidade realizada na sede da instituição, no Centro do Rio de Janeiro. A instituição encerra mais um ciclo marcado pela sua atuação ativa e pela abertura da Academia aos jovens médicos e estudantes da área da Saúde.

Após a abertura da solenidade por parte do Presidente Acad. Francisco Sampaio, todos os convidados foram convocados a ficar de pé para a execução do Hino Nacional, que foi seguida pela alocução das as mensagens de congratulações e anúncio dos representantes de instituições presentes.

Mesa Diretora da solenidade durante a execução do Hino Nacional: o Contra Almirante Manoel Moreira (Academia Brasileira de Medicina Militar); o Dr. Savino Gasparini Neto (Colégio Brasileiro de Cirurgiões); o Dr. Lauro Moretto (Academia Nacional de Farmácia); os Acads. Pietro Novellino, Antonio Nardi, Francisco Sampaio (Presidente), Cláudio Tadeu Daniel-Ribeiro e Marcos Moraes; a Dra. Marilia de Abreu Silva (Sociedade de Medicina e Cirurgia do RJ) e o Dr. José Itamar Abreu Costa (Academia de Medicina do Piauí)

Na sequência, o Acadêmico e Secretário Geral Antonio Egidio Nardi iniciou os trabalhos fazendo a apresentação do Relatório das Atividades do Ano Acadêmico. Aqui, foram ressaltados os Simpósios, Conferências e Jornadas científicas realizadas na instituição, que abordaram temas de relevância nacional e de impacto na sociedade científica como um todo, como os Simpósios “Responsabilidade Civil para o Médico” e “Drogas, Saúde e Direito”, além da realização da Sessão Conjunta com a Académie Nationale de Médicine, em Paris.

O Acadêmico também falou sobre a projeção alcançada pela ANM na mídia, com a publicação de quase 200 matérias na imprensa e a redação de 16 Documentos Oficiais sobre importantes temas como a chamada “pílula do câncer”. Por fim, mereceu destaque o site da ANM, no qual foram inseridos os perfis de todos os 667 Membros Titulares e Eméritos desde a fundação da instituição, em 1829. Além deste fato, todos os Patronos das 100 cadeiras possuem foto, representando um avanço considerável nas informações disponibilizadas pela instituição ao grande público. No site, também estão disponíveis os dados sobre a História e Missão da Instituição, informações sobre o Programa Jovens Lideranças Médicas e ainda a aba “Temas Médicos para Leigos”, com artigos escritos pelos Acadêmicos em parceria com especialistas de diversas áreas.

O orador oficial, Acadêmico Carlos Antonio Mascia Gottschall, proferiu discurso de alocução aos Acadêmicos falecidos: Ivo Pitanguy (falecido em 6 de agosto de 2016); Umberto Perrotta (falecido em 1º de novembro de 2016) e João Pedro Escobar Marques Pereira (falecido em 6 de junho de 2017). Saudou também os Membros Titulares empossados no último ano Acadêmico: Rossano Kepler Alvim Fiorelli, Cadeira 21, sucessor de Umberto Perrotta; Paulo Hoff, Cadeira 58, sucessor de Yvon Toledo Rodrigues (emérito); Natalino Salgado Filho, Cadeira 19, sucessor de Clementino Fraga; Maurício Gomes Pereira, Cadeira 16, sucessor de Julio Studart de Moraes; Hildoberto Carneiro de Oliveira, Cadeira 77, sucessor de Antonio Luiz de Medina e Giovanni Guido Cerri, Cadeira 83, sucessor de Luiz Felippe Mattoso (emérito).

Iniciando a etapa dos Prêmios da ANM, o Presidente convidou o Acadêmico Pietro Novellino para entregar o Diploma e medalha ao autor do trabalho vencedor do Prêmio Academia Nacional de Medicina, na Área de Ciências Aplicadas, Dr. Miguel Angel Maluf, Professor Titular de Cirurgia Cardiovascular da Unifesp, com o trabalho “Implante Transcateter de um Stent Válvula Expansível de Poliuretano, na Posição da Valva Pulmonar”.

O prêmio “Presidente da Academia Nacional de Medicina”, na área de Cirurgia, homenageou o ex-Presidente e um dos Fundadores desta casa, José Francisco Xavier Sigaud. Após breve alocução sobre os feitos e realizações do Acadêmico, o Presidente Francisco Sampaio convidou o Presidente Acadêmico Marcos Moraes a entregar o Diploma ao autor de um dos dois trabalhos classificados em 1º. Lugar: “Características Histopatológicas do Músculo Orbicular Ocular Após Blefaroplastia Inferior Com e Sem Miotomia”, de autoria do Dr. Sergio Lessa e colaboradores. A entrega do Diploma para o trabalho “Dez Anos de Adenectomia Mamária e Reconstrução Oncoplástica para Tratamento do Câncer de Mama, de autoria do Dr. Alfredo Barros e colaboradores, ficou a cargo do Acad. Cláudio Tadeu Daniel-Ribeiro.

Em um marcante momento da cerimônia, os ex‐Presidentes Pietro Novellino e Marcos Moraes receberam o Diploma de Presidente da Academia Nacional de Medicina. Os ilustres Acadêmicos Sérgio Novis e Felippe Mattoso receberam o Diploma e a recém-criada Medalha de Membro Emérito da Academia Nacional de Medicina, que deverá ser usada junto com a Medalha Acadêmica em todas as Sessões Solenes da ANM, como distinção especial.

O Acadêmico Emérito Felippe Mattoso e o Acadêmico Sergio Novis recebendo sua Medalha de Membro Emérito

Nesta etapa, ocorreu a outorga do título de Correspondente Estrangeiro ao Dr. Raul Segundo Sanchez Gutierrez, da Universidad de la Frontera, no Chile. O Correspondente, eleito em 21 de julho de 2016 recebeu o Diploma do Acadêmico Carlos Alberto Mandarim-de-Lacerda visivelmente emocionado, comprometendo-se a ser um digno representante da Academia Nacional de Medicina do Brasil em solenidades e eventos científicos realizados no Chile.

Também foi homenageado o advogado Dr. Rômulo Cavalcante Mota com o título de Benemérito da Academia Nacional de Medicina, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à Academia em questões referentes a CEDAE, IPTU, e em todas as relações com o Dovel Fundo de Investimento Imobiliário e demais assuntos de locação.

O Dr. Romulo Mota (ao centro) entre o Acads. Cláudio Tadeu Daniel-Ribeiro e Francisco Sampaio

O Presidente Acadêmico Francisco Sampaio encerrou a solenidade proferindo emocionado discurso sobre a trajetória da Academia Nacional de Medicina e as perspectivas para o futuro da instituição. Sobre a história da instituição, destacou‐se que a fundação se deu sob o reinado do imperador D. Pedro I, em 30 de junho de 1829, sob o título de Sociedade de Medicina do Rio de Janeiro. O Presidente reforçou que os objetivos de contribuir para o estudo, a discussão e o desenvolvimento das práticas da medicina, cirurgia, saúde pública e ciências afins, além de servir como órgão de consulta do Governo Brasileiro sobre questões de saúde e de educação médica se mantém vivos nas ações da Academia.

Destacou que ao longo deste segundo ano de administração, a Diretoria ampliou a abertura da Academia Nacional de Medicina à sociedade médica em geral, através de atividades científicos culturais de grande impacto como os diversos simpósios e jornadas apresentados. Sobre a projeção da Academia na imprensa, agradeceu especialmente ao Benemérito Dr. Pedro Grossi Junior, Presidente do Jornal do Brasil, e também ao Benemérito e grande amigo Maurício Dinepi, Presidente dos Diários Associados, estendendo o agradecimento ao jornal O Globo, Super Rádio Tupi, Globo News e Folha de São Paulo.

Segundo o Presidente, o conhecimento e a história da ANM devem estar a serviço da Medicina e em prol da população, reforçando que aquilo que a Academia Nacional de Medicina tem de mais valioso, além do passado e tradição, é a competência e brilhantismo das Acadêmicas e Acadêmicos. Assim, a instituição tem criado condições para que seus membros expressem esta capacidade e suas ideias para a sociedade médica e científica.

Ao final de seu discurso, se dirigiu aos Acadêmicos e Acadêmicas para agradecer pela colaboração que a Diretoria tem recebido, e a maneira elegante, ética e cortês com que estes dois anos de gestão transcorreram.

Ao final da solenidade, foi oferecido coquetel aos convidados no Salão Nobre, onde os Acadêmicos se reuniram para festejar os 188 anos da Academia.


Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150