Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Sessão de 20 de outubro - Acadêmico e Neurologista Sergio Novis recebe homenagem em sua passagem à Emérito na Academia Nacional de Medicina

Em Sessão realizada na última quinta‐feira (20), foi concedido o nobre título de Acadêmico Emérito a Sergio Augusto Pereira Novis, destacado neurologista de carreira indelével na Medicina Brasileira. A concessão do título de Acadêmico Emérito está prevista no Estatuto da instituição, em seu terceiro capítulo (Artigo 6º) e é concedida àqueles Acadêmicos que completarem 25 anos de como membros da Academia Nacional de Medicina.

Sergio Novis foi empossado em 23 de junho de 1987, em vaga aberta em razão do falecimento do Dr. Milton Fontes Magarão, reconhecida personalidade médica e dono de uma carreira profissional consagrada à luta antituberculosa. A passagem a Emérito do Dr. Sergio Novis ocorre no ano em que completa 29 anos como Membro da Academia Nacional de Medicina.

O Acadêmico Sergio Augusto Pereira Novis nasceu na cidade de Rio de Janeiro, em 16 de maio de 1940. Graduou-se em Medicina em 1963, pela Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Especializou-se em Neurologia na Escola Médica de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) em 1964.

 

O Acadêmico Emérito Sergio Novis

Obteve a Livre Docência na Faculdade de Medicina da UFRJ, em 1971, galgando o título de Professor Emérito – concedido àqueles que atingiram alto grau de projeção no exercício de sua atividade acadêmica, em 2011. É também Professor Titular de Neurologia da Escola de Medicina Souza Marques e da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, onde coordena o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Neurologia e é Professor Benemérito. É também Chefe do Serviço de Neurologia do Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro.

Médico dedicado à atividade clínica, atende na Clínica São Vicente no Rio de Janeiro e em consultório particular. Pesquisa sobre acidentes vasculares encefálicos, esclerose múltipla e neuro-aids.

Em 2008, seus ex-alunos e discípulos fundaram a Associação dos Discípulos do Professor Sergio Novis. Já em 2012, nas comemorações dos 50 anos da Academia Brasileira de Neurologia, recebeu o Troféu Coruja de Ouro, outorgado a neurologista brasileiro que tenha contribuído significativamente para o desenvolvimento da Neurologia brasileira.

Membro Titular da Academia Brasileira de Neurologia, da qual foi presidente entre os anos 1989 e 1990, é também Membro Titular da American Academy of Neurology e da Societé Française de Neurologie, além de integrar o corpo editorial de diversas publicações científicas, incluindo a Archives of Neurology (Chicago) e a Revista Brasileira de Neurologia.

Foi Fundador da Sociedade Brasileira de História da Medicina – Capítulo do Rio de Janeiro (2007) e, na Academia Nacional de Medicina, foi eleito Presidente da Secção de Medicina para o biênio 2015-2017.

Na Sessão na qual se deu sua passagem para a categoria de Membros Eméritos, o Presidente Francisco Sampaio consagrou a imortalidade dos Membros da Academia Nacional de Medicina, fazendo homenagem a Sergio Novis e apresentando uma breve história de alguns ocupantes da Cadeira 02.

O Patrono da Cadeira 02 é Miguel da Silva Pereira, nascido em 1871, em São José do Barreiro (SP). Graduou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1896 defendendo tese de doutoramento intitulada “Hematologia Tropical”, considerada obra notável. Destacou-se por sua carreira como higienista na cidade do Rio de Janeiro e foi Presidente da Academia Nacional de Medicina em 1910 e 1911, vindo a falecer com apenas 47 anos, em 1918.

Na ocasião de sua posse em 1987, o Acadêmico Sergio Novis foi saudado por Deolindo Augusto de Nunes Couto, conforme tradição da Academia. O Acadêmico Deolindo Couto, além de Reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro, foi criador do Instituto de Neurologia da mesma Universidade, considerado instituto científico extremamente moderno e completo. Foi Presidente da Academia Nacional de Medicina em diversas ocasiões, totalizando 12 anos na presidência da instituição.

Conhecido por se manter em contínua atualização, Sergio Novis participou e participa de centenas de congressos e reuniões de Neurologia e de Medicina em Geral, todas as semanas. Além deste fato, o Acadêmico se destaca por ser orador de verve fácil e grande cultura médica e humanística. Sua assiduidade nas Sessões da Academia Nacional de Medicina, o tornam um exemplo de dedicação e amor à Academia.

Acadêmico Sergio Novis em uma de suas contribuições nas Sessões Plenárias da Academia Nacional de Medicina