Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Aureliano Gonçalves de Souza Portugal (Cadeira No. 56)

Membro Titular

Secção de Medicina

Cadeira No. 56 - Patrono: João de Barros Barreto

Eleito: 11/10/1900 - Posse: 20/06/1901 – Sob a presidência de Nuno Ferreira de Andrade

Saudado por: Theófilo de Almeida Torres

Antecessor: João de Barros Barreto

Falecido: 04/07/1924

Nasceu a 16 de junho de 1851, em Rio Claro, Rio de Janeiro. Filho de Joaquim Gomes Portugal e D. Rita Clara de Souza Portugal.

Doutorou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1874, defendendo a tese intitulada “Vícios de conformação da bacia e suas indicações”.

Após sua formatura, clinicou em sua cidade natal por um breve período, e ao retornar para a capital, tornou-se médico do Hospital de São João Batista de Niterói.

Atuou como médico-demografista na Inspetoria Geral de Higiene do Rio de Janeiro (1890-1893), onde aprofundou a Demografia Sanitária, dando início à publicação de boletins mensais e ao primeiro Anuário de Estatística Demógrafo-Sanitária do Rio de Janeiro, no que seria imitado posteriormente por outros estados.

Ocupou cargos públicos como deputado estadual pelo Rio de Janeiro, na 25ª legislatura do Império e nas 2ª, 3ª e 4ª na Assembleia Estadual do Estado do Rio já no período da República. Com a nomeação e posse de Pereira Passos, o Acad. Aureliano Portugal é convidado para assumir a chefia da Seção de Estatística municipal, posteriormente denominada subdiretora e em 1907 tornou-se diretor geral. Junto com o cargo, também foi secretário do prefeito Passos.

Eleito Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, em 1900, com a memória intitulada “Memorial”.

Foi membro de conselhos, sociedades e associações nacionais e internacionais, tais como sócio do Instituto Acadêmico, membro da Associação de Caridade para o ensino dos meninos pobres da freguesia de Dores do Piraí, membro da Academia de Ciências, Letras e Artes de Pádua, na Itália.

Publicou vários trabalhos de sua especialidade, dentre estes, “Das afecções febris”, “Da propriedade ante pútrida do Hidrato de Cloral”, “Vícios de conformação”, “Dissertação sobre aborto criminoso”, “Febres tifoides”, “Anuário de Estatística demógrafo-sanitária”, “Higiene Urbana”.

Faleceu a 4 de julho de 1924, no Rio de Janeiro.


Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150