Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Acadêmico Francisco Sampaio toma posse como presidente da ANM - 14 de julho de 2015

 

No próximo dia 14 de julho, às 20h, quando tomar posse, o Acadêmico Francisco José Barcellos Sampaio figurará ao lado da galeria de 47 Acadêmicos que ocuparam a cadeira de presidente da Academia Nacional de Medicina (ANM), em seus 186 anos de existência completados em 30 de junho.

Ocupante da cadeira n° 92, que tem como patrono o Acadêmico Isaac Werneck da Silva Santos, o Acadêmico Francisco Sampaio, desde 1995 é Professor Titular na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde criou e coordena desde 1989 a unidade de pesquisa urogenital.

O Acadêmico Francisco Sampaio foi durante mais de uma década editor chefe do International Braz J. Urol., revista oficial da Sociedade Brasileira de Urologia e coordenador da pós graduação de cirurgia brasileira junto a CAPES durante 6,5 anos. É membro do corpo editorial e revisor ad-hoc de diversos periódicos internacionais de urologia, andrologia, cirurgia e morfologia nas áreas de rim, próstata, testículo, uretra, bexiga, litíase, (Journal of Urology; Bristish Journal of Urology; European Urology; Journal of Andrology; World Journal of Urology; Prostate Cancer and Prostatic Disease (ex Board); Progrès en Urologie (Board); Surgical and Radiological Anatomy; Clinics, Acta Cirurgica Brasileira (Board).

Na última quinta-feira, recém-eleito presidente, para o próximo biênio, da Academia Nacional de Medicina, deu a entrevista abaixo.

 

ENTREVISTA - Acadêmico Francisco Sampaio

O que significa ter sido eleito presidente da ANM no próximo biênio e o que esperar de sua gestão?

É uma honra poder presidir a instituição mais antiga do Brasil, que acaba de completar 186 anos e, seguramente, congrega os mais renomados médicos do País. O que esperamos para os próximos dois anos é tornar a Academia mais visível para a sociedade, receber mais e mais estudantes de medicina em nossa casa e influenciar mais nas politicas de Saúde do País.

Quais os planos para o acervo da ANM, de inestimável valor?

O projeto da Biblioteca estará a cargo do Acadêmico Wanderley de Souza, um renomado cientista, que foi secretário-executivo do Ministério da Ciência e Tecnologia e também secretário de Ciência e Tecnologia e Inovação do Estado do Rio de Janeiro. A Diretoria do Museu estará nas mãos experientes do Acadêmico José Luiz Gomes do Amaral, que na sua gestão à frente da Associação Paulista de Medicina, montou a biblioteca e a pinacoteca da instituição.

Como foi a sua eleição?

Foi tranquila, fraterna, como é tudo na Academia. Cada candidato apresentou sua plataforma, mas o que tivemos aqui, na realidade, foi apenas uma eleição e não uma disputa. No fim do processo, todos voltamos a confraternizar, como amigos que somos. Não há grupos ou sectarismos aqui. A Academia é uníssona e, como sempre, vai trabalhar com todos os acadêmicos.

Como avalia a gestão atual, a que sucederá?

É uma gestão excepcional, fraterna, presente. Conseguiu, entre outras realizações, colocar a ANM de volta ao seu prédio graças à perseverança e a grande dedicação do presidente Pietro Novellino de cuja gestão eu sou vice-presidente.

Agenda