Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Homenagem póstuma ao Acadêmico Emérito Eugênio da Silva Carmo

Discursos emotivos e panegíricos marcaram a homenagem póstuma que a Academia Nacional de Medicina dedicou, na última quinta-feira, 11, ao Acadêmico Eugênio Domingos da Silva Carmo, recém-falecido, em mesa composta pelo presidente da ANM,  Professor Pietro Novellino, e os acadêmicos José Galvão Alves e Antonio Egídio Nardi. O Acadêmico Mário Barreto Corrêa Lima, orador oficial da ANM, exaltou a trajetória profissional e a obra social do homenageado, acrescentando que o filho, o cardiologista Eugênio José da Silva Carmo, Honorário Estrangeiro da ANM, segue pelo mesmo caminho do pai. “Meu pai considerava esta Academia sua casa, sua família e estamos todos aqui orgulhosos dele”, disse o Acadêmico Eugênio José, que mora nos Estados Unidos há mais de 30 anos.

Nas homenagens, foi citada a situação de penúria em que se encontra o Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro, ao qual o Acadêmico emérito Eugênio Domingos da Silva Carmo dedicou grande parte de sua vida profissional. Matéria publicada em O Globo mostrou que os próprios pacientes estão fazendo a limpeza dos quartos da instituição, considerada de referência no tratamento de problemas cardíacos. “É triste o descaso com a coisa pública naquela casa que Eugênio da Silva Carmo tanto ajudou”, disse o Acadêmico Sérgio Novis. “Precisamos unir forças para ajudar o Aloysio de Castro”, acrescentou o Acadêmico José Galvão Alves.

Ao encerrar a solenidade, o presidente da ANM, Professor Pitero Novellino, citando Guimarães Rosa, disse que o Acadêmico Eugênio da Silva Carmo "está encantado em nossos corações".