Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Antonio Felix Martins (Barão de São Felix) (Cadeira No. 32)

Membro Titular

Secção de Cirurgia

Patrono da Cadeira No. 32

Eleito: 15/10/1835 - Posse: 15/10/1835 - Sob a presidência de Joaquim Candido Soares de Meirelles

Falecido: 18/02/1892

Presidente da Academia Imperial de Medicina - 1861 a 1864

O Dr. Antonio Felix Martins nasceu no dia 20 de novembro de 1812 em Inhaúma, Rio de Janeiro, filho do Cirurgião-Mor José Antonio Martins e de Rita Angélica de Jesus.

Diplomou-se médico e doutor pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, em 1833, onde foi Professor de Patologia Geral. Além disso, o Dr. Felix Martins foi médico efetivo da Imperial Câmara, Membro da Comissão Central de Saúde Pública, Inspetor do Hospital Marítimo de Santa Isabel de Jurujuba e Presidente da Junta Central de Higiene Pública. Foi também provedor da Inspeção de Saúde do Porto, nomeado pelo decreto nº 268 de 29/01/1843 - neste cargo teve atuação decisiva nas epidemias de cholera morbus e febre amarela que assolaram o Rio de Janeiro na segunda metade do século XIX.

Eleito Membro Titular da Academia Imperial de Medicina, o Dr. Felix Martins foi empossado no dia 15 de outubro de 1835. Foi eleito seu Presidente no dia 18 de maio de 1861, permanecendo nesta posição até 1864. No ano de 1866 passou a pertencer à classe dos Membros Titulares Honorários.

O Dr. Felix Martins também recebeu da Sociedade de Medicina de Liège o título de sócio correspondente, em atenção aos serviços prestados à Ciência. Foi nomeado Conselheiro Imperial por decreto de 11 de dezembro de 1875 e recebeu o título de Barão de São Felix, por carta-mercê, em 11 de dezembro de 1875, sendo também condecorado Comendador da Imperial Ordem da Rosa e Cavaleiro da Imperial Ordem de Cristo.

Na política, foi Vereador, em 1844, Suplente, de 1847 a 1848, e Presidente da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, de 1851 a 1852.

Acometido de uma infecção palustre perniciosa (malária), o Dr. Felix Martins faleceu na cidade do Rio de Janeiro, no dia 18 de fevereiro de 1892, aos 79 anos de idade.

Em homenagem ao Doutor Antonio Felix Martins, Barão de São Felix, a Rua Princesa dos Cajueiros, onde residiu, no centro da cidade do Rio de Janeiro, passou a ser chamada Rua Barão de São Felix (decreto n. 1165, de 31 de outubro de 1917).

Agenda
    Em maio
  • 30/5/2017 - 20:00 - Sessão Solene de Posse de Honorário Nacional - Dr. Miguel Srougi