Academia Nacional de Medicina

Português Inglês


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Manoel Feliciano Pereira de Carvalho (Cadeira No. 54)

Membro Titular

Secção de Medicina

Patrono da Cadeira No. 54

Eleito: 04/08/1830 - Posse: 07/08/1830 - Sob a presidência de José Francisco Xavier Sigaud

Falecido: 11/11/1867

Presidente da Academia Imperial de Medicina - 1859 a 1861

O Dr. Manoel Feliciano Pereira de Carvalho nasceu no dia 8 de junho de 1806, na cidade do Rio de Janeiro. Era filho do Major de Ordenanças José Pereira de Carvalho e de Thereza Nepomuceno de Carvalho.

Formado pela Academia Médico-Cirúrgica do Rio de Janeiro, o Dr. Manoel Feliciano Pereira de Carvalho recebeu a “Carta de Cirurgião Formado” em 26 de abril de 1828. Foi médico e primeiro cirurgião do Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro. Escolhido Médico do Paço Imperial, recebeu o Oficialato da Rosa, a respectiva comenda, a grande dignitária da mesma Ordem, o Hábito de Cristo, o Oficialato do Cruzeiro e o título de Conselheiro “por seu merecimento e letras”.

Eleito Membro Titular da Sociedade de Medicina do Rio de Janeiro, com apresentação da Memória “Aneurismas do coração”, sendo empossado no dia 7 de agosto de 1830. O Dr. Feliciano Pereira foi Presidente da Academia Imperial de Medicina de 1859 a 1861. 

Foi professor do renomado médico espírita Dr. Bezerra de Menezes, o "Médico dos Pobres", e o levou para integrar o quadro de médicos-operadores do Exército Brasileiro, com honras militares, no posto de Cirurgião-Tenente.

Foi, também, Professor de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, Coronel Cirurgião-Mor e Chefe do Corpo de Saúde do Exército. Em atenção aos serviços militares que prestou à Pátria, foi agraciado com a nomeação de Cavalheiro da Ordem de São Bento de Aviz e recebeu a graduação de Brigadeiro pelos bons serviços prestados na guerra contra o Paraguai.

o Dr. Manoel Feliciano Pereira de Carvalho é, também, o Patrono da cadeira 37 da Academia Brasileira de Medicina Militar.

Ele faleceu na sua cidade natal, no dia 11 de novembro de 1867, aos 61 anos de idade, quando era Brigadeiro Professor e Chefe do Corpo de Saúde do Exército.


Av. General Justo, 365, 7° andar
Rio de Janeiro - 20.021-130
Tel: (21) 3970-8150