Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° andar, Rio de Janeiro - 20.021-130 - Tel: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Edifício da ANM recebe premio Retrofit no Master Imobiliário 2014

O prédio reformado da Academia Nacional de Medicina, em projeto assinado da arquiteta Stella Lutterbach, foi premiado na categoria Retrofit, na 15ª edição do Destaque “ADEMI - Prêmio Master Imobiliário”, realizado no último dia 8 de dezembro, no Hotel Royal Tulip, em São Conrado. A entrega do prêmio foi feita pelo presidente da ANM, professor Pietro Novellino em cerimônia marcada por uma grande festa para mais de mil pessoas, antecipando as comemorações dos 450 anos do Rio de Janeiro. Estavam presentes representantes do mercado imobiliário, do Poder Legislativo e do Judiciário, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, e o governador do estado, Luiz Fernando Pezão, que foi homenageado como Personalidade do Ano. 

Criado em 2000, o Destaque ADEMI tem o objetivo de reconhecer, estimular e celebrar a excelência do mercado imobiliário carioca. Governadores, prefeitos, ministros, e secretários do estado costumam prestigiar as cerimônias de premiação.

No Destaque ADEMI deste ano o prefeito do Rio, Eduardo Paes, enalteceu em seu discurso o empresário Carlos Carvalho, que recebeu a homenagem de empresa do ano. Grande homenageado da noite, o governador Luiz Fernando Pezão recebeu o prêmio das mãos do presidente da ADEMI, João Paulo Rio Tinto de Matos e em seu discurso, ressaltou que a construção civil gerou 300 mil empregos diretos e mais 150 mil empregos indiretos.

Construído para sediar a Academia Nacional de Medicina na década de 50, o prédio de nove pavimentos era parcialmente ocupado pela entidade, já que alguns andares eram destinados à estudantes de medicina de fora do Rio de Janeiro. A arquiteta Stella foi convidada para apresentar um projeto que revitalizasse o prédio, mantivesse a sede da ANM com acesso e ocupação independentes e retrofitasse os demais andares para serem alugados para terceiros. Em 2011 a obra teve seu pontapé inicial e foi entregue em 2014.

O maior desafio da obra foi conciliar os dois usos independentes e conectados num mesmo edifício e fazer a reforma geral preservando os dois andares da ANM no seu estilo original. Além disso, houve necessidade de dar um reforço estrutural ao prédio, que foi concebido arquitetonicamente em forma de cruz, de acordo com as determinações do Plano Agache, instalando três novos elevadores, escada flutuante e a criação do átrio refrigerado.

Agenda
    Em maio
  • 30/5/2017 - 20:00 - Sessão Solene de Posse de Honorário Nacional - Dr. Miguel Srougi